15 de dezembro de 2014

Resenha |•| Vermelho como o sangue

Autora: Salla Simukka
Editora: Novo Conceito
Páginas: 239
Avaliação:  ♥♥♥ (Bom)
Sinopse: No congelante inverno do Ártico, Lumikki Andersson encontra uma incrível quantidade de notas manchadas de vermelho, ainda úmidas, penduradas para secar no laboratório de fotografia da escola. Cédulas respingadas de sangue. Aos 17 anos, Lumikki vive sozinha, longe de seus pais e do passado que deixou para trás. Em uma conceituada escola de arte, ela se concentra nos estudos, alheia aos flashes, à fofoca e às festinhas dominadas pelos garotos e garotas perfeitos. Depois que se envolve sem querer no caso das cédulas sujas de sangue, Lumikki é arrastada por um turbilhão de eventos. Eventos que se mostram cada vez mais ameaçadores quando as provas apontam para policiais corruptos e para um traficante perigoso, conhecido pela brutalidade com que conduz os seus negócios. Lumikki perde o controle sobre o mundo em que vive e descobre que esteve cega diante das forças que a puxavam para o fundo. Ela descobre também que o tempo está se esgotando. Quando o sangue mancha a neve, talvez seja tarde demais para salvar seus amigos. Ou a si mesma.
Vermelho Como o Sangue é uma releitura do conto de fadas da Branca de Neve, tanto é que o nome da personagem principal é Branca de Neve em finlandês. Na história original da Branca de Neve, sua mãe deseja ter uma filha "branca como a neve, com os cabelos negros como o ébano e os lábios vermelhos como sangue".  Foi dai que a autora tirou os nomes para os títulos da trilogia; Vermelho Como o Sangue, Branco Como a Neve e Preto Como Ébano.
A narrativa de Salla Simukka é realizada em terceira pessoa, mas não é detalhista e nos deixa bastante curiosos em relação a toda trama da historia, todos os personagens tem uma participação em cada capitulo e assim podemos ver a historia de diferentes pontos de vista. Lumikki é uma personagem forte e bastante independente, ao decorrer da historia ficamos nos perguntando o porquê de Lumikki ser tão durona assim e junto com ela vamos descobrindo qual é o mistério por trás das notas ensanguentada. O livro é bem interessante, mas não me conquistou completamente, livros policiais não fazem muito o meu estilo, mas para quem gosta acho que é um bom livro. 

6 comentários :

  1. oi flor, confesso que este foi um dos poucos livros da NC que não me atrairam!
    sinceramente não achei graça no enredo à primeira vista
    claro que depois dos seus comentários posso querer dar uma olhadinha mais especial, entretanto não seria por agora
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá!!

    Achei que a Lumikki deixou muito a desejar... Uma personagem fraca, a narradora fala todo tempo que ela isso e aquilo outro, mas se derreteu no menor lampejo de uma amizade. :/

    Beijo,

    Samantha Monteiro
    http://www.wordinmybag.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá *-*
    ja tinha ouvido falar desse livro, alias, mesmo nao fazendo meu tipo de leitura favorito, tenho umas amigas que iriam gostar de ler.

    Beeijos, ♥

    Tem sorteio lá no meu blog, participa lá :)
    http://www.paaradateen.com/2014/12/sorteio-de-natal-mascara-love-alpha.html

    ResponderExcluir
  4. Olá Angela,

    Esse livro esta na minha lista de espera de leituras e essa é a primeira resenha que leio dele, estou super curioso e vejo que vou gostar bastante, parabéns pela resenha...abraço.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Uaua me parece ser um policia bem intrigante, acho que quando começar a ler vou pular para o fim só pra saber o final, infelizmente, tenho esse defeito com policiais kkkkkk

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. quero muito ler esse livro,
    beijos
    livro-azul.blogspot.com.br

    ResponderExcluir